dez 05

LUTO PELO FALECIMENTO DO SUBTENENTE GIL XAVIER DE LUCENA

Os policiais militares estão em luto. Faleceu o Subtenente Gil Xavier de Lucena, ex-presidente da Associação de Sargentos e Subtenentes (ASSPMBM/RN), cujo histórico de vida mostra sua importância como homem destemido, defensor da liberdade e dos direitos da classe militar. Lucena presidiu a entidade no início dos anos 60, quando liderou a primeira greve da PMRN em 1963, e por isso foi rebaixado e posteriormente excluído das fileiras da corporação.

Com o golpe militar de 1964, mesmo fora do quadro da Polícia Militar, voltou a ser preso no Quartel do Exército e foi solto graças à articulação da ASSEN, através do então Sargento Paulo Lopo Saraiva. Em seguida, prestes a ser preso novamente, foi orientado a fugir do estado e se tornou um clandestino em seu próprio país, por onde rodou para se esconder e fugir dos militares. Nesse período, o Subtenente casou e teve seis filhos, cada um nascido em um estado diferente.

Apenas na década de 1980 Gil Xavier voltou ao RN, entrou na justiça e retornou à PMRN na condição de Subtenente, já na reserva remunerada. Com a lei da anistia, foi promovido recentemente a Capitão com os proventos de Major. Esse é um pequeno resumo da história desse herói da PMRN, pai do Soldado Gil Xavier Terceiro.

“Queremos externar nossos sentimentos pela partida desse homem tão admirado. Pedimos a Deus, neste momento, muita luz e paz pra toda a sua família, confortando os corações e enchendo-os de orgulho pela missão, o engajamento e a dedicação desse herói. Uma pessoa íntegra, que serviu ao seu país e ao seu povo. Homem de coragem que defendeu sua família e nossa instituição policial militar. Seremos eternamente admiradores e reconhecemos a história do pioneiro desbravador das lutas em nossa instituição policial militar, mesmo pagando o preço que “os homens coletivos” precisam pagar. Esteja em paz, Capitão Gil, nos braços do nosso Senhor”, explicita Eliabe Marques, presidente da ASSPMBM/RN.

compartilhe

dez 05

PROJETO AUMENTA PENA EM CASOS DE LESÃO CORPORAL CONTRA PROFESSORES

O Projeto de Lei do Senado (PLS) 356/2014, da senadora Ana Amélia (PP-RS) aumenta em um terço a pena para quem agredir fisicamente professores no exercício da função. Na justificativa do projeto, a senadora destaca que nos últimos anos houve um aumento da violência nas escolas e por esse motivo se faz necessária a criação de leis que tornem mais rígidas as punições. O projeto aguarda apresentação de emendas na Comissão de Constituição e Justiça.

dez 05

PLENÁRIO DEVE VOTAR PROJETO QUE OBRIGA PEDESTRE A SINALIZAR ANTES DE ATRAVESSAR NA FAIXA

O plenário do Senado deve analisar na próxima terça-feira o Projeto de Lei (PLC 26/2010) que obriga o pedestre a sinalizar com o braço antes de atravessar na faixa, o chamado “sinal de vida”, em que a pessoa sinaliza com o braço e espera que os carros parem antes de cruzar a faixa de pedestres. A autora do projeto, deputada Perpétua Almeida, do PCdoB do Acre, disse que a utilização do sinal de vida nas ruas de Brasília é considerada um exemplo de cidadania e educação no trânsito. O senador Rodrigo Rollemberg, do PSB do Distrito Federal, lembrou que a sinalização do pedestre antes de cruzar a faixa levou a uma queda significativa no número de atropelamentos no DF. A proposta foi aprovada pela Comissão de Constituição e Justiça e deveria ter seguido diretamente para a sanção presidencial, mas pelo menos dez senadores assinaram um recurso para que a matéria seja decidida pelo plenário.

dez 05

ROCAM PRENDE HOMEM COM 5 KG DE MACONHA NA PRAIA DO MEIO

Policiais da Ronda Ostensivas com Apoio de Motocicletas (Rocam) prenderam, nesta terça-feira (2), um homem suspeito de tráfico de drogas. Cláudio Emanuel Bezerra Sipião, de 47 anos, foi flagrado com 5 kg de maconha na rua Santo Inácio, na Praia do Meio.

O tenente Lima, oficial da Rocam, disse ao Portal BO que os policiais militares receberam a informação de uma possível boca de fumo e foram até a casa indicada. Chegando lá, encontraram Cláudio Emanuel sentado na frente da residência e, durante uma revista, acharam a droga.

O suspeito alegou que não era proprietário da maconha e que apenas era usuário. Mas, diante do flagrante, ele acabou sendo levado para delegacia, onde foi autuado.

Portal BO

dez 05

HOMEM É EXECUTADO COM TIROS NA CABEÇA EM PARADA DE ÔNIBUS DE MACAÍBA

Mais um crime de homicídio foi registrado na cidade de Macaíba, Grande Natal.

A vítima, identificada por nome de Francisco de Assis da Silva, 49 anos de idade, foi executado na avenida Monica Dantas, em uma parada de ônibus em frente à prefeitura.

O crime aconteceu por volta de 04:00 horas da manhã desta quinta-feira.

O Soldado Cristóvão, lotado no 11ºBPM, que minutos depois esteve no local do crime, relatou a reportagem, que a vitima foi executada com três tiros de pistola 380 na região da cabeça e apresentava um corte profundo no braço esquerdo.

Cristóvão disse ainda que o CIOSP informou que os bandidos estavam em um carro de cor preta, mais de placa não identificada.

Vários familiares de Francisco de Assis foram ao local e informaram que a vítima era evangélico e que sempre estava naquele horário para pegar o transporte coletivo, já que trabalhava em um frigorifico na cidade de Natal.

Até o momento a polícia não tem informações do que motivou o crime.

Informações da ConnecTV

dez 05

HENRIQUE FINANCIOU 47 CANDIDATURAS E DOOU MAIS DE R$ 8 MILHÕES PARA WILMA DE FARIA

Pouco mais de R$ 41 milhões. Esse foi o montante financeiro arrecadado pelo Diretório Estadual do PMDB durante a campanha eleitoral deste ano. Do total, R$ 19 milhões foram destinados à eleição do presidente do partido no Rio Grande do Norte, Henrique Eduardo Alves, que foi candidato ao Governo do Estado. O restante foi dividido em 46 candidaturas, muitas delas de outros partidos, com a de Wilma de Faria, do PSB, que disputou o Senado Federal ao lado de Henrique.

Presidente do recém dissolvido Diretório Estadual do PSB, Wilma abriu mão de disputar o Governo do Estado para ficar ao lado de Henrique na campanha. E, por aceitar a aliança com o PMDB, Wilma acabou tendo quase toda a campanha custeada pelo partido. Afinal, declarou ter recebido R$ 10 milhões durante a campanha e, deste valor, R$ 8,2 milhões partiram do Diretório Estadual do PMDB, segundo informou a prestação de contas do comitê financeiro peemedebista, a qual O Jornal de Hoje teve acesso.

As doações foram feitas entre 16 de julho e 27 de outubro, ou seja, depois do segundo turno da disputa eleitoral – e mais 20 dias depois da votação em primeiro turno e, consequentemente, da derrota da pessebista na disputa pelo Senado. Ao todo, foram 15 cheques assinados pelo Diretório Estadual peemedebista endereçados a líder do PSB. Alguns deles, inclusive, chegaram a ter o valor de R$ 1 milhão.

As informações estão em documento entregue pelo próprio PMDB ao Tribunal Regional Eleitoral, como prestação de contas final da sigla durante a campanha eleitoral de 2014. Os nomes de Wilma e de Henrique aparece junto a outros 45 candidatos na “lista de doações efetuadas a candidatos/comitês financeiros/partidos”. Dentre eles, boa parte dos eleitos para a Assembleia Legislativa e Câmara Federal. Ao todo, Henrique usou o Diretório Estadual do PMDB para ajudar a 37 candidaturas estaduais e 10 federais.

Há, diante disso, nomes também menos expressivos, que não tiveram, nem de longe, posição de protagonismo nas eleições 2014. Exemplo: a ex-vereadora Sargento Regina, do PDT. Ela teve apenas 1,2 mil votos – faltou cerca de 30 mil para passar a votação de Álvaro Dias, último eleito pela coligação dela. Mesmo assim, Sargento Regina recebeu R$ 200 mil do PMDB no Rio Grande do Norte, o mesmo valor doado para os deputados estaduais que conseguiram se reeleger, Raimundo Fernandes (PROS) e Tomba Farias (PSB), e para o também eleito Albert Dickson (PROS), presidente da Câmara Municipal de Natal.

Há outros casos que podem ser considerados maus exemplos de utilização dos recursos partidários, como os R$ 188 mil doados a candidatura de Júnior Moura, que substituiu Gilson Moura, que desistiu de ser candidato após os vários casos de corrupção envolvendo o nome dele.

DOAÇÕES EFETUADAS PELO PMDB/RN AOS CANDIDATOS

Candidaturas majoritárias apoiadas pelo PMDB

HENRIQUE: R$19,1 milhões

WILMA: R$ 8,2 milhões

Deputados federais apoiados pelo PMDB

WALTER: R$ 1,77 milhão

FAFÁ ROSADO: R$ 800 mil

SANDRA ROSADO: 600 mil

ROGÉRIO MARINHO: 350 mil

ANTÔNIO JÁCOME: 330 mil

ABRAÃO LINCOLN: R$ 200 mil

RAFAEL MOTTA: 150 mil

JOANILSON DE PAULA REGO: 20 mil

Deputados estaduais apoiados pelo PMDB

HERMANO MORAIS (PMDB): R$ 820 mil

KELPS LIMA (SDD): R$ 600 mil

EZEQUIEL FERREIRA (PMDB): R$ 470 mil

GUSTAVO FERNANDES (PMDB): R$ 300 mil

NELTER QUEIROZ (PMDB): 450 mil

ALVARO DIAS (PMDB): 475 mil

GETULIO REGO (DEM): 400 mil

GEORGE SOARES (PR): R$ 400 mil

CARLSON GOMES (DEM): R$ 400 mil

MARCIA MAIA (PSB): 250 mil

JOSÉ ADÉCIO (DEM): 230 mil

ADENUBIO MELO (PSC): R$ 200 mil

ADÃO ERIDAN (PR): R$ 200 mil

SARGENTO REGINA (PDT): 200 mil

ALBERT DICKSON (PROS): 200 mil

RAIMUNDO FERNANDES (PROS): 200 mil

GUSTAVO CARVALHO (PROS): 200 mil

VIVALDO COSTA (PROS): 200 mil

LAURA HELENA (PHS): 200 mil

TOMBA FARIAS (PSB): 200 mil

LARISSA ROSADO (PSB): 200 mil

SOUZA (PHS): 200 mil

BISPO FRANCISCO DE ASSIS (PSB): 195 mil

JR MOURA (PRP): 188 mil

RICARDO MOTTA (PROS): 150 mil

JACO JÁCOME (PMN): 130 mil

LEANDRO PRUDÊNCIO (PHS): 107,5 mil

EDIVAN MARTINS (PV): 100 mil

ALDAIR DA ROCHA (PTB): 50 mil

PROFESSOR LUIZ CARLOS (PMDB): 40 mil

EDILSON CARLOS (PV) : R$ 35 mil

GLADSTONE HERONILDES (PMDB): 35 mil

VALERIA BARBALHO (PSDB): 30 mil

ELIANE LOURENÇO (PTN): 30 mil

KATIA NUNES (PMDB): 20 mil

EMANUEL MARQUES (PSDC): 10 mil

LUZIA MATIAS (PMDB): 1.05 mil

Dinheiro do PMDB/RN veio da Executiva, de Temer e de investigadas na Petrobras

Vários peemedebistas foram críticos ao apoio que o PT deu à candidatura de Robinson Faria, do PSD, na disputa pelo Governo do RN. O peemedebista Nelter Queiroz, deputado estadual eleito, por exemplo, chegou a pregar o voto em Aécio Neves, do PSDB, mesmo a decisão afetasse, diretamente, o plano nacional peemedebista, que tinha no vice de Dilma o nome de Michel Temer, do PMDB. Agora, observando a lista de doadores do PMDB/RN, a situação fica ainda mais grave. Afinal, Michel Temer doou R$ 1 milhão para o Diretório Estadual da sigla. E a Executiva Nacional do partido foi responsável por repassar outros R$ 26 milhões para o RN.

As doações de Michel Temer aconteceram em duas oportunidades. A primeira, no dia 11 de setembro, quando o vice-presidente de Dilma enviou um cheque de R$ 500 mil para o Diretório Estadual do PMDB/RN. O segundo, de mesmo valor, foi enviado no dia 2 de outubro, nas vésperas da eleição em primeiro turno.

Quando começou o segundo turno e o PT nacional passou a participar mais da campanha de Robinson Faria, com o ex-presidente Lula no programa eleitoral do PSD e as doações feitas pelo comitê financeiro de Dilma, as críticas peemedebistas ao voto na presidente petista passaram a ser mais constantes. Muitos, inclusive, chegaram a defender o voto em Aécio Neves e passaram a produzir peças publicitárias com o tucano e Henrique Alves. Segundo comenta-se, o próprio governadorável chegou a cogitar a declaração de apoio a Aécio.

O problema é que toda essa relação de aproximação com os tucanos prejudicariam não apenas Michel Temer, mas também toda a Executiva Nacional do PMDB, que via na continuidade do governo Dilma a possibilidade de se manter forte no plano brasileiro. E, apesar de ser prejudicada pelas críticas feitas à Dilma, a Executiva peemedebista não abriu mão de continuar apoiando o Diretório Estadual do partido. Só nas últimas semanas foram mais de R$ 6 milhões doados. No total, foram R$ 26 milhões destinados a sigla no Estado.

INVESTIGADOS

É importante explicar que os recursos repassados por Michel Temer e pela Executiva Nacional do PMDB foram resultantes de doações feitas a esses dois por outras empresas, algumas delas, inclusive, citadas no escândalo da Petrobras, como a Galvão Engenharia, a OAS e a Queiroz Galvão.

Além disso, relembra-se que na prestação de contas de Henrique já apareceu outras investigadas no caso de corrupção da estatal brasileira. A Odebrecht, por exemplo, foi a maior doadora da campanha do candidato peemedebista ao Governo do RN. Foram R$ 5,5 milhões enviados para cobrir parte dos R$ 26 milhões gastos por Henrique durante a campanha.

JORNAL DE HOJE

dez 05

CHARGE DO DIA: BLOCOS

dez 04

ESQUEMA DE SEGURANÇA DO CARNATAL CONTA COM 400 POLICIAIS MILITARES

A Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed/RN) definiu nesta terça-feira (4) o esquema de segurança que será implementado durante o Carnatal, a micareta que acontece de 4 a 7 de dezembro na área em torno da Arena das Dunas, em Natal. Representantes da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Civil, Polícia Militar (PM/RN), Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Norte (CBMRN), Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU) e 65ª Promotoria de Justiça da Comarca de Natal, além da empresa organizadora do Carnatal, participaram de uma reunião para tratar do assunto.

Cerca de 400 policiais militares serão utilizados durante o evento, sendo divididos em patrulhamento externo e interno do complexo e arredores. A Polícia Civil terá quatro delegacias, sendo uma na Arena das Dunas e outra em sua unidade móvel, além da Delegacia de Plantão, em Candelária, na zona Sul de Natal. Já a Delegacia Especializada em Narcóticos (Denarc) estará atuando no combate a comercialização de entorpecentes durante a festa.

As estruturas de segurança de camarotes e arquibancadas também serão reavaliadas pelo Corpo de Bombeiros nesta quinta-feira (4) para a liberação da estrutura, mas segundo a organização do evento tudo está dentro das conformidades impostas pela instituição. O trânsito do local será fiscalizado pela STTU nas avenidas localizadas nos arredores do evento, e na BR-101 o patrulhamento e controle do tráfego serão de responsabilidade da PRF.

Buscando garantir a proteção concreta e efetiva de crianças e adolescentes, a 65ª Promotoria de Justiça já capacitou os técnicos da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtas) que vão fiscalizar a participação desses foilões na festa. Os profissionais farão a abordagem social e o acolhimento ficará por conta das equipes do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN) que vão receber os adolescentes e as crianças e os encaminharão para o ponto de apoio que será montado entre as avenidas Jaguarari e Capitão-mor Gouveia, onde será providenciado o contato com os pais.

O secretário de Segurança do Estado, Eliéser Girão Monteiro, considera importante a realização do evento, mas espera também a colaboração da população em caso de ocorrências, através de denúncias. “Sabemos da grandeza do Carnatal e esperamos que seja uma bela festa, mas pedimos a cooperação da população para aproveitar com responsabilidade, sem beber e dirigir, e se divertindo de maneira saudável.

E para aqueles que presenciarem alguma infração que faça o uso de nossas ferramentas que são o ‘Disk Denúncia 181′ e o Whatsapp no (84) 8149-9906. Estamos de prontidão para atender a todos”, explicou o secretário.

G1/RN

dez 04

PEC APROVADA NA CCJ TORNA SEGURANÇA COMPETÊNCIA COMUM A UNIÃO, ESTADOS E MUNICÍPIOS

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) aprovou nesta quarta-feira (3) a Proposta de Emenda Constitucional 33/2014, que inclui a segurança pública entre as obrigações de competência comum entre a União, os estados, o Distrito Federal e os municípios. O projeto segue agora para o Plenário, onde passará por dois turnos de discussão e votação.

Com as modificações propostas pela PEC, a segurança pública passaria a figurar no artigo 23 da Constituição, que trata das competências comuns dos entes federativos. Ela também seria incluída no artigo 24, que fala dos temas sobre os quais tanto a União quanto os estados e o DF podem legislar.

O autor da PEC, senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES), explica que a Constituição já atribui ao poder público brasileiro, de forma geral, o dever de garantir segurança à população. No entanto, diz ele, é necessário explicitar essa obrigação para todos os níveis do Estado.

“A violência e a criminalidade são fenômenos extremamente complexos e dinâmicos, e para enfrentá-los é necessário um grande esforço integrado e compartilhado”, escreve Ferraço em sua justificativa. Na sua opinião, trata-se de “uma omissão” dos constituintes de 1988, que deve ser corrigida.

O relator da matéria na CCJ, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), apresentou voto favorável com duas emendas de redação, que não modificam o conteúdo da PEC. Vital lembra que a área de segurança pública já é compartilhada por órgãos federais (como a Polícia Federal) e estaduais (as Polícias Militares, por exemplo) e, cada vez mais, pelas guardas municipais — que demonstram que os municípios também se ocupam dessa atividade.

Dessa forma, enfatiza o relator, é oportuna a adequação do texto constitucional “a fim de extirpar quaisquer eventuais dúvidas existentes a respeito da competência comum de todos os entes da federação brasileira no que tange à garantia da segurança pública”.

Na recente eleição presidencial, vários candidatos — incluindo a presidente reeleita, Dilma Rousseff — defenderam a inclusão da segurança pública entre as atribuições constitucionais do governo federal.

AGÊNCIA SENADO

dez 04

SARGENTO SALES DO 11ºBPM DE MACAÍBA É HOMENAGEADO NOS 180 ANOS DA PM/RN

A Polícia Militar do Rio Grande do Norte completou, nesta terça-feira (2), 180 anos de história e realizou uma solenidade em homenagem a personalidades que, neste ano de 2014, contribuíram para a atividade da instituição, bem como para a segurança da sociedade.

Na oportunidade, foram entregues medalhas de mérito a Policiais considerados destaque na Instituição Polícia Militar do RN. Dentre eles, se destacaram o Sargento Sales do 11ºBPM de Macaíba. Sales foi agraciado com a Medalha ao Mérito de prestação de serviço a população macaibense em relação a segurança publica. O Sargento que faz parte do “Trio dos Incansáveis” como é conhecido aqui em Macaíba pelas diversas prisões e apreensões de armas, drogas e veículos recuperados com queixas de roubo.

CONNECTTV

dez 04

RELATOR PROPÕE 25 ANOS DE IDADE PARA COMPRA DE ARMA DE FOGO E 30 PARA PORTE

DEPUTADO CLAUDIO CAJADO (DEM/BA)

Em debate com a participação de 475 internautas, o deputado Claudio Cajado revelou também que, entre as alterações que fez no projeto que regulamenta a compra de armas e munições no País, está a exigência da renovação do registro a cada cinco anos.

Em videochat promovido nesta manhã pela Câmara dos Deputados, o deputado Claudio Cajado (DEM-BA) adiantou alguns pontos do substitutivo que apresentará ao Projeto de Lei 3722/12, que regulamenta a aquisição e circulação de armas de fogo e munições no País, revogando o Estatuto do Desarmamento (Lei 10.826/03).

Entre as alterações feitas no texto original, de autoria do deputado Rogério Peninha Mendonça (PMDB-SC), Cajado destacou o aumento da idade mínima para compra de armas de fogo, de 21 para 25 anos, e da permissão do porte, de 21 para 30 anos, além da exigência de renovação do registro a cada cinco anos – o texto original não prevê renovação.

25 anos para comprar arma de fogo e 30 para ter o porte
Renovação do registro de arma a cada cinco anos

A proposta está sendo analisada por uma comissão especial e o relatório deve ser apresentado e submetido à votação no próximo dia 10. Se aprovado, o projeto seguirá para análise do Plenário da Câmara.

Meio termo
Cajado ressaltou que o objetivo de seu relatório não é revogar o Estatuto do Desarmamento, mas achar um meio termo entre o que a lei determina hoje e o que a população deseja em termos de direito à defesa de sua segurança. Ele lembrou que o referendo realizado em 2005 mostrou que cerca de 65% da população rejeitavam a linha mestra do estatuto, que é a proibição da comercialização.

Além disso, Cajado ressaltou que, mesmo com a proibição, os assassinatos cresceram 19% desde que o estatuto entrou em vigor, índice superior ao aumento da população, que foi de 12%.

Em resposta ao internauta Anderson, que se identificou como ex-policial, e outras pessoas que se manifestaram contra a liberação da compra de armas, Cajado afirmou que é preciso garantir o direito de quem não quer depender apenas do Estado como fornecedor de segurança, e deu o exemplo de pessoas que moram em propriedades rurais, distantes do centro das cidades e muitas vezes até sem energia elétrica. “Qual a proteção de que essas pessoas disporiam para responder à agressão de outra pessoa?”, questionou.

AGÊNCIA CÃMARA

dez 04

USAR CELULAR AO DIRIGIR PODE VIRAR INFRAÇÃO GRAVÍSSIMA

Projeto que foi analisado nesta quarta-feira, 03, na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) torna infração grave o uso do celular enquanto se dirige. O autor da proposta, senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES), em entrevista ao jornalista Adriano Faria, da Rádio Senado, diz que as estatísticas mostram que o risco de acidente aumenta para até seis vezes quando uma pessoa combina direção com o celular.

dez 04

MOSSORÓ: ASSALTO NO BAIRRO BOA VISTA TERMINOU COM UM ADOLESCENTE MORTO E OUTRO DETIDO

Dois adolescentes praticaram um assalto em um comércio na Rua Francisco Romualdo no bairro Boa Vista e tentaram fugir na hora que a polícia passava no local. Um deles de apenas 16 anos de idade, morador do bairro Aeroporto II, foi baleado e morreu a caminho do Tarcísio Maia para onde estava sendo socorrido.

O outro de apenas 12 anos de idade, confessou participação no assalto, foi conduzido a Delegacia Especializada em Defesa do Menor e depois dos procedimentos foi devolvido para a família.

Segundo informações, os menores utilizaram uma arma para a pratica do assalto e quando foram abordados pelos militares de uma Viatura de Radio Patrulha, teriam apontado a arma em direção a viatura. Na reação da policia o adolescente foi baleado e não resistiu.

O CÂMERA

dez 04

CHARGE DO DIA: CORRUPÇÃO

dez 03

PROMOÇÃO A CABO: COMANDO CONVOCA 200 SOLDADOS PARA CURSO DE NIVELAMENTO

O Boletim Geral 223 (CLICK AQUI) desta terça-feira, 02, publicou a convocação para inscrição no Curso de Nivelamento/2015.

Ao todo foram convocados 250 Soldados para se inscreverem, voluntariamente, no Curso de Nivelamento/2015, dos quais 50 serão na condição de suplentes.

De acordo com a portaria, os Soldados convocados, deverão comparecer na Diretoria de Pessoal, localizada no Quartel do Comando Geral, no horário das 8h às 11h, no período de 15 a 19 de dezembro de 2014, para efetuar a inscrição no curso de nivelamento, sob pena de não efetivação da inscrição.

Os SOLDADOS convocados para participarem do Curso de Nivelamento/2015, tanto na condição de titular, assim como também na condição de suplente, deverão comparecer no Quartel do Comando Geral (QCG) na Diretoria de Pessoal, DP/5 (Seção de Recrutamento e Seleção), no horário das 08 às 11 horas, no período de 15 a 19 de dezembro de 2014, para efetuar sua inscrição no estágio em questão e entregar os documentos abaixo relacionados, SOB PENA DE NÃO EFETIVAÇÃO DA INSCRIÇÃO, sendo eles:

3.1. Memorando de apresentação expedido pelo Comandante da Organização Militar Estaduais (OME), onde o militar esteja lotado; e,
3.2. Certidão Negativa de Antecedentes Criminais da Justiça Federal e da Justiça Militar Federal, podem ser obtidas através dos sites, respectivamente, www.jfrn.jus.br e www.stm.jus.br.

O Comandante das Organizações Militares Estaduais (OME) deverão apresentar os Soldados convocados, bem como providenciar, junto ao cartório judiciário competente, a Certidão Negativa da Justiça Comum e Militar (Certidão de Antecedentes Criminais – Autoridade Judiciária) emitida com fins judiciais, sob pena de não efetivação da respectiva inscrição e de responsabilização, conforme o caso.

Após a inscrição efetuada na DP, o Militar convocado deverá comparecer ao Centro Clínico da PM, às 7h, nos dias 22 de dezembro (1º ao 125º convocado) e 23 de dezembro [126º ao 200º (titular) e 1º ao 50º (suplente)], munidos dos exames relacionados na portaria de convocação:

a) Eletrocardiograma; (acima de 40 anos)
b) Exames Laboratoriais:
1) Hemograma;
2) Glicemia de Jejum;
3) Colesterol Total;
4) Triglicerídeos;
5) Creatinina;
6) Uréia;
7) Ácido Úrico;
8) Sumário de Urina
9) PSA (acima de 40 anos)

dez 03

CHARGE DO DIA: KELPS X DANTAS

dez 02

NIVELAMENTO DOS SOLDADOS COMEÇA EM 2015

As associações se reuniram nesta manhã, 02, com o Comandante Geral da PMRN para tratar das demandas dos policiais militares.

Especialmente, no que se refere aos Cursos de Nivelamento. Portanto, informamos que ainda hoje, 02/12, será publicado em BG a convocação de 200 soldados para o nivelamento.

Sexta-feira, 05/12, possivelmente, será publicado a convocação de mais 300 soldados, bem como será publicado um calendário, até dezembro de 2015, com as turmas de nivelamento, cada turma composta por 300 soldados.

Essa iniciativa tem como objetivo atender as exigências da LPP. Faz parte também do compromisso do atual Comandante da PMRN com a valorização dos profissionais policiais militares.

Participaram da reunião além do Sgt Eliabe – ASSPMBM/RN, Sd Roberto – ACSPM, Sgt Miguel – ACSPM e TC Pereira Jr da Diretoria de Pessoal.

dez 02

PMs AINDA ESPERAM PAGAMENTO DE DOS DA COPA

Às vésperas do Carnatal 2014, considerada uma das maiores micaretas do Brasil, os Policiais Militares não estão motivados para garantir a segurança dos foliões. O descontentamento é devido à falta de pagamento das diárias operacionais, referentes a três jogos da Copa do Mundo, realizados na capital potiguar.

De acordo com o presidente da Associação de Cabos e Soldados da Polícia Militar do Rio Grande do Norte (ACS/RN), Roberto Campos, além dos jogos da Copa do Mundo, os PMs ainda esperam o pagamento das DOs referentes ao segundo turno das Eleições 2014, que aconteceu no dia 26 de outubro e ainda do Enem realizado nos dias 8 e 9 de novembro.

“O não pagamento representa a falta de compromisso do Governo do Estado com a Segurança Pública. Os PMs tem dado o sangue para diminuir os índices de violência e garantir a segurança da população. Mesmo assim não estão sendo pagos pelo trabalho desempenhado”, diz o presidente da ACSPM/RN.

Roberto Campos explica que a situação é preocupante, já que os PMs não querem trabalhar durante o Carnatal e Réveillon, devido aos sucessivos atrasos no pagamento. “Nossos companheiros deixam o conforto de seu lar, abdicam de um possível momento de lazer, se comprometem com a segurança dos cidadãos, para no final não serem valorizados. O que mais nos entristece é que o Governo do Estado ainda não se pronunciou com uma data concreta para colocar o pagamento em dia.”

Segundo o presidente da ACSPM/RN, “este será um grande desafio para o próximo chefe do executivo estadual. Nós esperamos que o Governador eleito seja sensível as nossas causas.”

ACSPM/RN

dez 02

SEM POLICIAMENTO, PRAIA DO MEIO ESTÁ DOMINADA POR ASSALTANTES

A insegurança ao longo da avenida Café Filho, no espaço que abrange as praias do Meio e do Forte, tem influenciado diretamente no fluxo de pessoas e no trabalho dos comerciantes que antes costumavam faturar alto na região. Alguns, inclusive, já pensam em fechar as portas pelos prejuízos que estão tendo.

Apenas neste domingo (30), de acordo com informações do Via Certa, nada menos que 10 turistas foram assaltados na região. Todas as ocorrências foram registradas na segunda delegacia de polícia do bairro Brasília Teimosa e nenhum suspeito foi detido. Uma das vítimas foi Cristhiane Fernandes, que veio de Sorocaba, interior de São Paulo. Ela estava em um ponto de ônibus e terminou rendida por dois jovens que aparentavam ter dezesseis anos. A dupla chegou armada com faca de churrasco e terminou levando bolsa com dinheiro, perfume, câmera fotográfica e seus documentos pessoais.

Ao longo do mesmo domingo, mais nove turistas prestaram queixa na segunda delegacia de polícia sobre o ataque de gangues que levaram dinheiro, relógio, óculos e câmeras na orla e também em um ponto de ônibus.

As ações de criminosos foram rotineiras ao longo do ano na praia do Meio. Tanto que o fluxo de pessoas na região caiu bastante e os prejuízos dos comerciantes foram se acumulando. “Aqui os assaltos acontecem todos os dias. É tudo muito complicado. Eu mesmo já presenciei um caso essa semana. Uma turista estava andando pela orla quando um assaltante chegou. Ele estava armado e puxou a bolsa da mulher, mas ela não deu. Ele tentou atirar, mas a arma falhou e depois ele fugiu sem levar nada”, contou o ambulante Romildo José.

Um dos pontos mais críticos é o viaduto próximo a Ponte Newton Navarro. “Quando percebemos alguns turistas indo naquela direção, nós avisamos logo para que eles tenham cuidado. Para irem de carro ou então evitarem de ir mesmo”, comentou João Batista, também ambulante da região, que ainda fez um desafio para o fotógrafo do Jornal de Hoje. “Eu te desafio a você ir para o Forte com essa sua máquina e voltar com ela. Eu tenho certeza que você não volta com ela”. Para não perder o equipamento de trabalho, o fotógrafo preferiu não aceitar o desafio.

Comerciantes pensam em deixar o local

Se na orla da praia do Meio a situação é ruim, na praia do Forte é ainda pior. Com muitas empresas de turismo evitando a Fortaleza dos Reis Magos pelos casos recentes de assaltos no local, comerciantes donos de quiosques nas proximidades do ponto turístico já pensam em fechar.

“Eu trabalho nesse ponto com a minha mãe há quase 30 anos e nunca passei por uma situação tão complicada como essa. Os turistas não vêm mais para cá. Nessa época do ano isso aqui era para estar cheio de pessoas, mas como você está vendo, não tem quase ninguém. É realmente complicado. Se continuar assim, eu vou fechar mesmo”, reclamou Alexandra Barbosa, que ainda completou. “Normalmente eu chegava a ganhar mais de R$ 2 mil por mês em vendas, isso sem ser alta estação. Agora quando eu consigo vender R$ 200 já é muito. Não tem como viver assim”.

Os comerciantes também reclamam que um ponto policial que existia no local foi desativado. “Ficava um policial no posto o dia inteiro e isso garantia maior segurança. Só que eu não sei o motivo pelo qual esse policial foi tirado de lá. Gostaríamos que esse policial voltasse, pois iria ajudar bastante a nossa situação e quem sabe, com o aumento do número de policiais, os turistas voltem”, argumentou Cristina Andrade.

Efetivo não é o ideal

O Jornal de Hoje entrou em contato com o major Eduardo Franco, comandante do Pelotão Turístico, que é responsável pela segurança de Vila de Ponta Negra até a praia do Forte. Primeiramente ele informou que o efetivo para fazer a segurança na região não é o ideal. “Por lei, nós deveríamos ter 263 policiais no nosso quadro. Porém, hoje temos apenas 103, o que realmente acaba complicando o nosso trabalho”.

O major adiantou que na próxima semana uma base da PM será inaugurada nas proximidades do Chaplin. “Recentemente nós inauguramos uma base da Polícia Turística no início da Via Costeira (sentido zona praia do Forte) e vamos inaugurar essa outra. Assim conseguiremos ter um atendimento mais rápido, pois nesses postos nós teremos policiais 24 hora por dias”.

Eduardo Franco também explicou o motivo pelo qual mandou retirar o policial do posto próximo ao Forte dos Reis Magos. “Primeiramente o local não apresentava a menor condição de receber um policial. Era totalmente insalubre. Segundo, eu acredito que o policial fixo naquele local iria proteger mais os comerciantes, só que nós temos um histórico de assaltos contra os comerciantes daquela região. Portanto, achamos melhor utilizar o efetivo em viaturas, fazendo essa ronda móvel, que traz uma resposta melhor. Tanto que temos viaturas sempre rodando nessa região”.

JORNAL DE HOJE

dez 02

DUAS ORGANIZAÇÕES CRIMINOSAS DITAM REGRAS NOS PRESÍDIOS DO RN, DIZ MP

As investigações do Ministério Público do Rio Grande do Norte apontam que duas organizações criminosas ‘ditam diretrizes e princípios’ no sistema penitenciário do estado. As diretrizes e princípios, segundo o MP, são seguidas pelos integrantes das organizações, que articulam crimes fora dos presídios. O órgão ministerial aponta ainda que um dos grupos tem forte relação com outros estados da federação.

A operação ‘Alcatraz’ – uma alusão ao nome da penitenciária americana instalada na ilha de Alcatraz, que no início do século XX recebia os chamados chefões do crime organizado – cumpriu 223 mandados de prisão e 97 mandados de busca e apreensão. A operação conjunta envolveu Ministério Público, Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal. Os mandos de prisão e busca e apreensão começaram a ser cumpridos no início da manhã desta terça-feira (2).

Dos 223 mandados de prisão, 154 foram para investigados já presos, integrantes das organizações criminosas. O MP explica que a expedição de novos mandados necessária para impedir a soltura dos detentos e evitar a concessão de benefícios da execução penal como progressão de regime, indulto natalino, entre outros.

Além do Rio Grande do Norte, as ordens judiciais foram cumpridas também em São Paulo, Paraná e Paraíba. No RN, os mandados estão sendo cumpridos em Natal, Parnamirim, São Gonçalo do Amarante, Currais Novos, Caicó, Assu, Parelhas, Lajes, Jucurutu, Jardim do Seridó, Jardim de Piranhas, São Vicente, Acari, Cruzeta e Santa Cruz.

As investigações de comissões do Ministério Público duraram 10 meses. De acordo com o MP, as informações colhidas no período possibilitaram a realização de 75 prisões em flagrante feitas pela Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal. As prisões foram efetuadas por crimes de tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e roubo

Ainda segundo o MP, a maior apreensão de drogas do ano foi realizada a partir da investigação. Aconteceu no dia 18 de maio deste ano, na cidade de Dourados, estado do Mato Grosso do Sul, onde a Polícia Rodoviária Federal apreendeu 15,2 toneladas de maconha. O órgão ministerial afirma que parte expressiva da droga seria distribuída no Rio Grande do Norte.

G1/RN

dez 02

POLÍCIA MILITAR COMEMORA 180 ANOS EM SOLENIDADE NESTA TERÇA-FEIRA

Criada há 180 anos, a Polícia Militar do Estado do Rio Grande do Norte promove, nesta terça-feira (2), uma grande solenidade alusiva à data comemorativa. Na ocasião, será realizada a entrega de 196 Medalhas Bento Manoel a policiais militares e civis que se destacaram, de forma eficiente e eficaz, no desempenho profissional da atividade policial.

Também serão concedidas 114 Medalhas do Mérito Policial Luiz Gonzaga, destinada a premiar membros da Polícia Militar ou das Forças Armadas e quaisquer cidadãos, em geral, que se distinguiram ou venham a distinguir-se por serviços prestados à Corporação Militar Estadual ou à Segurança Pública do Estado, no campo militar, científico, social ou econômico.

Durante a solenidade, haverá a exposição de equipamentos relativos aos serviços da Polícia Militar, com a montagem de stands pelo Comando de Policiamento Rodoviário Estadual (CPRE), Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque), Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), Companhia Independente de Proteção Ambiental (CIPAM), Diretoria de Saúde, Regimento de Polícia Montada (RPMont), Companhia Independente de Prevenção ao Uso de Drogas (CIPRED) e Programa Educacional de Resistência às Drogas (PROERD). A exposição contará com equipamentos de uso diário, armamentos e munições, além de uniformes, viaturas e banners informativos.

Além da exposição de equipamentos, o público ainda assistirá a apresentação da Banda de Música da Polícia Militar “in concert”, sob a regência do Subtenente PM Mota, com as músicas “Carinhoso” (Música: Pixinguinha/ Arranjo: Duda), “Espera” (Música e Arranjo: Duda), “A conquista do paraíso” (Música: Vangelis/ Arranjo: Capitão Jacy), e “Chega de Saudades” (Música: Tom Jobim e Vinícius de Morais/ Arranjo: Duda).

A solenidade será realizada nessa terça-feira (2) no Centro de Convenções, localizado na Via Costeira, a partir das 8h30min.

Posts mais antigos «

» Posts mais novos